14 de abr de 2008

Stephen King critica proibição de jogos

O escritor Stephen King, criticou os planos de estados dos EUA de proibir os jogos violentos e classificou o projeto de lei como antidemocrático. Para o autor de histórias de terror, cabe aos pais controlar o entretenimento dos filhos. Ele afirmou que não é fã de videogames, mas disse que fica furioso quando políticos decidem assumir o papel de pais substitutos, o que, na opinião do autor, "é sempre desastroso".



Stephen King acredita que os jogos mostram apenas a violência que já existe na sociedade, e agurmenta que já existe uma classificação etária para os títulos e que não adianta proibir, pois os jovens sempre arranjam formas de os obter.

Para o escritor, as leis norte-americanas em relação à posse de armas contribuem mais que os videogames para o comportamento violento. Ele dá como exemplo o autor da Virginia Tech, Cho Seung-Hui, anunciado como fã do Counter Strike, que matou vários estudantes do colégio onde estudava. "Se só tivesse uma arma de plástico do jogo, não tinha sequer conseguido matar-se", defende Stephen King.

6 comentários:

Arthur Protasio disse...

Não sou fã do Stephen King por isso, ao contrário dos "postadores de plantão" do Gamespot e outros sites de jogos. Acho que ele falou algumas verdades, mas se vocês acham a situação nos EUA está crítica...vou preparar um post. ^^

Bruna Torres disse...

Isso mesmo Arthur. Fale da nossa situação, com Bully, que tal?

Pablo Raphael disse...

Escutem esse cara. O sujeito sabe do que tá falando, pq livros e gibis de terror já foram perseguidos lá da mesma forma que perseguem os games hj em dia..

A sociedade nao olha pros proprios defeitos, só mete o pau no que não entende, seja aqui, nos EUA, na Australia, no Japão, em qualquer lugar.

Indigente Virtual disse...

Dá para ver que lá não é tão diferente daqui, sempre tem alguém querendo aparecer em cima de alguma proibição babaca. CS que foi proibido não perdeu seu publico. Na verdade, depois de tanto tempo é que começarei a jogar, montamos um time e não estamos nem aí para isso.

Plotter disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Plotter, I hope you enjoy. The address is http://plotter-brasil.blogspot.com. A hug.

Libertário disse...

É aquela velha história, Estado acha que é deus de todos.